Conteúdo principal | Últimos 20 posts | Posts por assunto | Bengala Legal

Blog do Bengala Legal.

Rio de Janeiro, terça-feira, 29 de julho de 2014 - 20:52.

 

Conteúdo principal.

terça-feira, 19 de outubro de 2010.

Casal cria ONG que incentiva adotar crianças com deficiência

Família adotiva.Carla e o marido Marcelo brincam com as filhas Nadine (no sofá), Luana, Marcela (no colo do pai) e Rafaela (no da mãe).

ELIDA OLIVEIRA
DE SÃO PAULO

Marcela, oito anos, foi abandonada ainda bebê com paralisia cerebral e autismo. As funcionárias do abrigo diziam que ela não reagia a nada e se espantaram quando a menina chorou no colo de Carla Penteado, 37, em visita à instituição em Aracaju (SE).

Ela e o marido, Marcelo Barreto, 43, acabaram adotando outras três meninas que “fogem” do perfil comum: Luana, 3, com síndrome de Down; Rafaela, 3 meses, hidrocefalia; e Nadine, 18, por adoção tardia (crianças mais velhas).

A experiência com a primeira adoção -na qual Carla diz ter gastado R$ 80 mil com advogados, laudos técnicos e psicológicos, e a mudança de São Paulo para Aracaju (SE)- fez com que ela fundasse uma ONG de apoio e incentivo à adoção tardia ou de crianças com deficiência.
Em quatro anos a ATÉ (Adoção Tardia e Especial) já direcionou 50 delas para adoção e tem em seu cadastro 60 pessoas prontas a receber crianças com este perfil.

A diferença entre o cadastro da ATÉ e o do governo -CNA (Cadastro Nacional de Adoção)- é que, ao se cadastrar para adoção, os pretendentes dizem ao governo se aceitam com doença “tratável” ou “crônica”, enquanto na ATÉ dá para saber se querem com diabetes, hepatite, HIV positivo ou Down.

Para o pediatra Ricardo Halpern, presidente do departamento de desenvolvimento e comportamento da Sociedade Brasileira de Pediatria, os três primeiros anos são “decisivos” para desenvolver habilidades em crianças, em especial daquelas que com deficiência.

Foi o que aconteceu com Talita, 3 anos, com deficiência visual. Adotada por Rose Bedeschi, 48, com a ajuda da ONG ATÉ, ela não andava porque não foi estimulada a desenvolver o equilíbrio. Com o tratamento indicado e a atenção de Rose, ela já dá alguns passos sozinha.

Facebook.Compartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

sexta-feira, 4 de junho de 2010.

Bicicleta Especial Auxilia Pessoas com Deficiencia Visual.

Bicicleta dupla (uma é emendada na outra lateralmente).
Uma bicicleta dupla foi adaptada para a prática do ciclismo, não dispensando um guia.

Os 22 deficientes visuais que integram as ONGs “Sociedade Cultural e Ambientalista Embrião” Site Externo.. e “Vemos com as Mãos” Site Externo., do município de Alvorada (RS) Site Externo., tiveram esta semana uma oportunidade única: andar de bicicleta. Para a atividade, foi construída e adaptada uma bicicleta dupla, que permite aos cegos praticarem o esporte, acompanhados por um guia.

O primeiro teste do equipamento ocorreu na praça João Goulart. Agora, as pessoas com deficiência visual treinarão para participar do 8º Eco Passeio Ciclístico da Semana do Meio Ambiente, no próximo dia 6 de junho, em Alvorada. O percurso começará junto ao hipermercado Big e seguirá, durante três horas, por vários pontos da cidade. Segundo o representante da ONG Embrião, Josué Aguiar, durante o passeio realizado no ano passado andaram na carona de outras bicicletas. “Este ano será diferente. Eles vão literalmente pedalar com a bicicleta”, ressaltou Aguiar, lembrando que essa foi a primeira vez que pessoas com deficiência visual puderam praticar o esporte. “A emoção foi muito grande durante o teste. Com facilidade, eles conseguiram dar várias voltas na praça”, afirmou ele.

Durante a atividade, a bicicleta ganhou um nome especial: ODKV. A sigla significa “o de cá vê e o de lá não vê!”. O desafio de construir o veículo adaptável partiu dos integrantes da ONG Vemos com as Mãos, instituição que atende às pessoas com deficiências visual na Escola Estadual de Ensino Médio Senador Salgado Filho, em Alvorada. A bicicleta foi adaptada mediante uma parceria entre ciclistas e profissionais de uma serralheria.

A meta, a partir de agora, de acordo com o representante da Embrião, é construir outras bicicletas para serem utilizadas por essas pessoas. “Vencemos o primeiro desafio, que era viabilizar o aparelho. Agora, queremos multiplicá-lo para permitir o acesso de mais pessoas”, relata Aguiar.

Fonte: Correio do Povo – RS Site Externo.

Facebook.Compartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Arquivado em: Notícias.
Assuntos:  , , , , , , .
Gil Porta às 9:16.
Post visitado 25576 vezes, 11 foram hoje.

domingo, 27 de dezembro de 2009.

Cego quer fazer Pornô.

Experiência é o que não falta! Ele garante ter levado mais de 100 mulheres para a cama.

Jornal O Dia.

Rio – Deficiente visual, Júlio Rasek, 40 anos, é formado em marketing, massagista e craque na dança de salão. Mas ele tem um sonho que nada tem a ver com essas três especialidades e vai fazer de tudo para realizá-lo: ser o primeiro ator pornô cego do Brasil. E experiência no vuco-vuco é o que não falta. Pelas suas contas, Razek já levou mais de 100 mulheres para a cama.

“O importante é saber como fazer, e eu sei muito bem. O homem tem que saber estimular o seu brinquedo de armar”, diz Júlio, que garante ser bem-dotado, como exige a indústria pornô.

Nascido na Cidade de Deus com apenas 10% da visão – enxergava só vultos -, Rasek ficou completamente cego no dia 13 de outubro de 2005 por causa de um descolamento da retina. Da depressão que chegou a abatê-lo no início, não sobrou vestígio algum.

“Minha vida melhorou depois que fiquei cego, hoje tenho mais mulheres”, revela o candidato a ator pornô, que admite já ter falhado duas vezes na hora H, mas promete não decepcionar quando o diretor gritar ‘gravando’. “Vou fazer parecer real todas as vezes, e em todas vou fazer com vontade. Meu pai é austríaco e minha mãe, africana, tenho um tempero diferente no sangue”.

Razek está animado em abrir um novo campo de trabalho para os cegos e jura que não vai se abalar com as críticas: “O novo assusta, mas não tenho dúvida de que farei sucesso. A empresa que me contratar vai vender muitos filmes”. Já para os homens que não estão tendo muito sucesso com a mulherada, ele dá uma dica importante: “O sexo começa logo no primeiro beijo”.

Com ele, já rolou vuco-vuco no avião e no ônibus.

Se existem cegos que não gostam de receber ajuda para atravessar a rua ou pegar condução, esse não é o caso de Júlio Razek. “Conheci mulheres diversas vezes recebendo ajuda na rua”, diz o galanteador, que já trocou telefones com moças que deram uma mãozinha a ele no metrô e no ônibus.

Romântico, o aspirante a galã pornô perdeu a virgindade aos 13 anos e desde então teve diversas relações sexuais marcantes. “Todas foram especiais, mas lembro bem de quando fiquei com uma aeromoça no banheiro do avião”, revela Júlio, garantindo ter realizado sua grande fantasia.

Outro momento inesquecível para ele foi em uma viagem para a Região dos Lagos, onde o ônibus foi cenário de mais uma aventura sexual. Para Razek, vale tudo na hora do amor, menos brincar com a bengala. “Ela fica encostadinha na parede vendo tudo, mas não entra na brincadeira”, diverte-se.

Facebook.Compartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Arquivado em: Notícias,Pessoas com Deficiência.
Assuntos:  , , , , , , , .
MAQ às 20:28.
Post visitado 32557 vezes, 26 foram hoje.
Próximos Posts »

Últimos 20 posts publicados.

Saltar resumo e ir para "ESCOLHA POR ASSUNTO".

Marta Gil (*) Leitura é magia: num instante, sinais se transformam em letras, que formam palavras, que formam frases, que se tornam portais para terras exóticas, para o passado, o futuro ou mesmo o presente. Ela nos transporta ao tempo em que os bichos falavam, desvenda segredos da Natureza e abre as portas da Ciência, […]

 

Livros infantis do projeto Baú das Artes recebem recurso acessível de audiodescrição. A Editora Evoluir lançou recentemente o projeto, que distribui materiais paradidáticos para escolas municipais de Ensino Fundamental (EMEF). Entre eles, estão 20 livros que foram adaptados com o recurso acessível de audiodescrição. Diferencial que beneficia, especialmente, crianças com deficiência visual, baixa visão e […]

 

DIA 17 DE JULHO ÀS 19h – LANÇAMENTO DO LIVRO: Metodologia para Diagnóstico de Acessibilidade em Centros Urbanos: Análise da área Central da Cidade do Rio de Janeiro. Autores: Cristiane Rose de S. Duarte, Regina Cohen, Alice de Barros H. Brasileiro e Osvaldo Luiz de Souza Silva O livro será lançado também em versão falada […]

 

Feito com um iPhone 4S, o ‘gadget’ confere níveis de insulina a cada cinco minutos. O sistema consiste em um smartphone ligado a um monitor de glucose e bombas que fornecem insulina e glucagon. BOSTON, EUA. Um pâncreas artificial portátil, construído a partir de um iPhone modificado, regulou com sucesso os níveis de açúcar no […]

 

Pessoas com deficiência visual presentes na partida entre Suíça e Equador viveram momentos inesquecíveis, na inauguração do sistema de audiodescrição no estádio. A audiodescrição pode ser acessada por meio de frequências de rádio. Quem quiser ouvir, deve levar um aparelho portátil de rádio ou telefone celular com receptor FM, além de fones de ouvido. O […]

 

Chamada Pública vai financiar implementação de tecnologias de audiodescrição e legenda oculta. A RioFilme lançou nesta quarta-feira, dia 4 de junho, o programa Cinema Acessível RioFilme, voltado aos exibidores cinematográficos. O edital disponibiliza 200 mil reais para investimento em dez complexos de exibição para a instalação de ferramentas de audiodescrição e legendas ocultas que promovam […]

 

Da Redação. Senado, Ministério Público do Trabalho, Movimento Down e Associação Carpe Diem se uniram nesta terça-feira (3) para lançar uma cartilha que aborda os principais direitos trabalhistas utilizando linguagem simples, direcionada às pessoas com deficiência. O documento foi tema de audiência pública promovida pelas Comissões de Diretos Humanos e Legislação Participativa (CDH) e de […]

 

O Projeto Acessibilidade em Bibliotecas Públicas é composto de varias ações que atenderão, ao longo de um ano, a quatro objetivos: ampliar e qualificar a acessibilidade em dez bibliotecas públicas brasileiras – transformando-as em referencia em acessibilidade na área; construir e disseminar conteúdos, referenciais, estratégias e instrumentos para a qualificação dos serviços, acervos e espaços de bibliotecas públicas brasileiras […]

 

Um dos nomes mais respeitados no meio, essa paulistana, formada em Ciências Sociais na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, é especialista em comunicação e disseminação da informação na área da deficiência, especialmente em temas como trabalho e educação. A trajetória de Marta Gil junto a pessoas com deficiência começa em 1976, […]

 

Christh Lopes*. A função do jornalista está estritamente ligada ao papel de transmitir informação. Como filosofia de vida, Claudia Werneck levou essa premissa a sério e hoje trabalha para um público que conquistou ao longo da carreira. A especialização em tratar temas sensíveis à vida do cidadão foi fundamental para que passasse a ser referência […]

 

Já está valendo a isenção de pedágio da Linha Amarela para idosos e pessoas com deficiência. Requisitos para isenção de idosos e deficientes físicos na passagem do pedágio da Linha Amarela: Deverá ser realizado um cadastramento prévio na Central de Relacionamento com o Usuário da LAMSA (CERU), localizado na sede administrativa, de segunda a quinta, […]

 

De 21 a 27 de Setembro – em todo o Brasil Pelo Direito à Educação Inclusiva. Caras e caros companheiros e companheiras de todo o Brasil, Esperamos que estejam todos e todas muito bem! Estamos iniciando o processo de mobilização para a nossa já conhecida SAM (SEMANA DE AÇÃO MUNDIAL). Este é o nosso primeiro […]

 

Bom dia. Estamos seguindo para a fase final do processo de tradução autorizada do WCAG2. O documento bruto passou por uma revisão de linguagem e correção de typos. O pessoal que fez a versão de Portugal ajudou a tornar o conteúdo mais próximo para ambos os países, mas com suas diferenças de linguagem preservadas. Inclusive […]

 

O SESC-São Paulo dá início no dia 2 de abril ao tradicional Festival SESC Melhores Filmes, no CineSesc, com a cerimônia de abertura da 40ª edição do evento. Nessa noite, serão entregues os prêmios aos vencedores nas categorias de melhor filme, documentário, ator, atriz, direção, roteiro e fotografia para os filmes brasileiros e melhor filme, […]

 

Evento se repetirá em Salvador, Brasília e Curitiba. [Descrição da imagem] Programação para Salvador: A CAIXA Cultural Salvador abre, a partir da próxima segunda-feira (31), as inscrições para a oficina “De Olho no Braille”, que acontece de 8 a 12 de abril. A oficina apresenta histórico e aplicações do Braille, além de aspectos imagéticos e […]

 

15 crianças e adolescentes com Down gravaram um vídeo emocionante para combater o medo, o desconhecimento e o preconceito que tomam alguns casais, quando descobrem que terão um filho com a síndrome. A ideia foi baseada no e-mail de uma futura mãe, ao descobrir que seu bebê seria especial. “Que tipo de vida o meu […]

 

Foi lançado hoje (15/03/2014) o livro “Desculpe, não ouvi“, de Lak Lobato. Editora Atitude Terra (www.atitudeterra.com.br). Lak é surda oralizada; perdeu a audição literalmente da noite para o dia, quando tinha 10 anos. Aprendeu a fazer leitura labial, conservou a fala que já havia adquirido e foi viver a vida: aprendeu francês, fez intercâmbio na […]

 

A Digicon – especializada em automação para a mobilidade urbana – implantou semáforos sonoros para auxiliar deficientes visuais na cidade de Franca, no interior de São Paulo. Os equipamentos foram instalados nos cruzamentos do bairro Vila Aparecida – local aonde fica situada a sede da Sociedade Francana de Instrução e Trabalho para Cegos. Para esta […]

 

Brasília – Um aplicativo criado por quatro jovens de São Paulo está mudando a vida de pessoas com deficiência na voz. Disponível para tablets, smartphones e computadores, o Que Fala transforma frases selecionadas pelo usuário em mensagens de voz, permitindo ao usuário comunicar-se diretamente com seu interlocutor. O grupo de empreendedores foi um dos que […]

 

Marta Gil (*). O início do ano nos estimula a traçar planos de ação. Extraindo a essência dos balanços feitos em dezembro, na esteira do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, constato mais uma vez que há conquistas da maior importância, que ainda há muito a fazer e, principalmente, que estas conquistas estão sendo seriamente […]

 

 

 

Os posts mais visitados hoje.

  1. Ampliada a isenção do ICMS para pessoas com deficiência (262 visitas)
  2. O que é Inclusão Escolar? (106 visitas)
  3. O direito ao prazer da leitura (72 visitas)
  4. Livros infantis com audiodescrição (69 visitas)
  5. Metodologia para Diagnóstico de Acessibilidade em Centros Urbanos (65 visitas)
  6. Deficiente visual tem isenção de ICMS na aquisição de veículo zero quilômetro. (30 visitas)
  7. Cego quer fazer Pornô. (26 visitas)
  8. Vestido de Homem-Aranha, bombeiro salva menino com autismo. (25 visitas)
  9. Acessibilidade para Pessoas com deficiência visual e auditiva agora é lei nos EUA. (22 visitas)
  10. Audiodescrição e a eterna discussão com a ABERT. (22 visitas)
Bengala Legal.

eXTReMe Tracker