Conteúdo principal | Últimos 20 posts | Posts por assunto | Bengala Legal

Blog do Bengala Legal.

Rio de Janeiro, segunda-feira, 06 de julho de 2015 - 00:46.

 

Conteúdo principal.

domingo, 15 de março de 2009.

O Bafo de Belzebú.

Final de expediente… A bordo do elevador, desfaço a escalada da manhã e mergulho do 24 andar até o térreo, conforme me impõe a rotina dos ditos “dias úteis”…

Na portaria do prédio, me deparo com ela… sim é ela… inexpugnável, infalível, inexorável, a “estufa carioca”, confecionada pelo tradicional calor do janeiro da cidade. Caminho na rua da Ajuda e chego a esquina da Rio Branco, coração do RJ.

Ar parado… mormaço… gente suada caminhando apressada em todas as direções…

Ajudado por um pedestre, atravesso a trepidante avenida, centro nervoso da cidade q, num tempo relativamente remoto, chegou a ser considerado a “corte” da promissora nação tupiniquim. No outro lado da avenida, me dirijo ao metrô e, para isto, tenho que diblar colunas e colunas de camelôs que, num alarido infernal, anunciam a todos pulmões uma variedade de produtos.

Implacável, absoluto, o “astro rei” sustenta seus raios inclementes sobre ruas, calçadas, bancas, prédios, automóveis, pedestres, como que querendo fazer de tudo uma grande mixórdia, para em seguida transformá-lo num cozido diabólico…

Nas dependências do metrô, numa temperatura um pouco mais amena, um solícito funcionário me encaminha até a roleta. Agora, uma educada e meiga funcionária faz a ponte comigo até a plataforma: o contato feminino — o suave perfume, a pele delicada do seu braço, a sonoridade da voz, acionam a usina instintiva da libido, e, o pensamento
devolve tudo em desejos, vontades, idéias… Sempre cortês, a guarda me embarca num trem e me vejo no ferro do centro de um vagão super lotado.

O trem retoma a marcha. O número de passageiros, excede em muito o limite racional do vagão; o ar condicionado se mostra insuficiente para a demanda e a “estufa” da rua se transporta para o vagão, transformando a agradável viagem diária numa anti-sala do inferno.

O trem para na estação da cinelândia, e, para nosso desespero, recolhe mais passageiros. Dispara rumo a Glória. reclamações, imprecações, lamentos se sucedem… O calor, como querendo abrir disputa com o trem, dispara na escala, envolvendo os aflitos passageiros num abraço dantesco.

Amassado contra o ferro central do vagão, procuro na medida do meu possível, resistir a mais aquela provação, procurando manter a calma. A aflição toma conta dos passageiros…

– Calor dos infernos! Isto é uma pouca vergonha, deixar o vagão encher deste jeito!
– Quando chegar na estação vou reclamar desta vergonha, pensa que a gente é “sardinha” pra andar enlatada!
– Coitadinho dele, passar por um sufoco deste! nem os pobres dos cegos eles respeitam!

O trem corre, o calor aumenta e o desespero dos passageiros acompanha proporcionalmente… No meu lugar, cada vez mais espremido contra o ferro, suado de ponta a cabeça, computo as estações que faltam e tento me desligar do pandemônio… Será que se eu fosse rico diriam: “nem os ricos dos cegos eles respeitam!”?

Gemidos, grunidos, lamúrias, ranger de dentes, palavrões de toda espécie. a atmosfera assume a forma da “caldeira” de Belzebú!

O trem para na Glória e vários passageiros tentam ingressar no abarrotado vagão, sendo prontamente repelidos a tapas, empurrões, safanões e similares… Retoma novamente sua marcha e avalio: Catete, Largo do Machado e, finalmente, minha estação. que o “arquiteto do universo” zele por mim ou no mínimo resolva a meu favor aquela equação tempo/espaço…

Calor, mal estar, angústia e o trem célere em sua marcha, como que em rumo ao inferno…

afirmam os crédulos sobre o diabo que, além de um alkimista contumaz, trata-se de um ser insaciável… e assim q o trem deixa a estação do Catete, um novo elemento se instala no explosivo vagão. Presença silenciosa, incolor, invisível, mas consistente, persistente. Personalizado numa fragancia fétida, infernal, addvinda quiçá dos
confins dos infernos. Como num passe de mágica, o vagão inteiro se queda em silêncio. Um silêncio indagativo, analítico, prescrutador, como que avaliando o elemento recém chegado.

No meu canto, suarento, pegajoso, praticamente atarrachado no ferro do vagão, desisto de tentar alguns exercícios de Ioga, há muito abandonados e reunindo o que ainda me restava de brio e garra , encaro de peito aberto, com respiração contida mais aquela provação, agora condicionada a emanações voláteis de fragância nunca antes conhecida….

O trem chegou e partiu da estação do Largo do Machado; a fedetina, agora estabilizada, continuava impregnando o vagão. Os passageiros, como em comunhão, continuavam em silêncio. E em silêncio ficaram até a próxima estação, que felizmente era a minha.

Sou recebido por um solícito guarda:

– Faala campeão, tudo firme?
– Tudo, graaaças a Deus!
– Escada rolante ou a outra?
– Tanto faz!
– Caramba, vc está pálido, passando mal?!
– Não, não! Tudo bem!

Já na saída da estação, deparo novamente com a implacável estufa. Entro na Marques de Abrantes, minha rua, que bom revê-la, apesar de angustiado, são e salvo…

Valdenito de Souza, o nacionalista místico.
Visite a República das Letras.Site Externo..

Facebook.Compartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Arquivado em: Pessoas com Deficiência.
Assuntos:  , , , .
MAQ às 21:24.
Post visitado 10489 vezes, 3 foram hoje.

3 Comentários | Deixe seu comentário.

  1. Comment by MAQ — 17 de março de 2009 às 21:08

    Valdenito,

    A forma engraçada e natural com que coloca as igualdades e diferenças entre nós, cegos, e todas as pessoas no cotidiano é muito interessante. A sexualidade da pessoa com deficiência, o trabalho, o cotidiano no transporte, a acessibilidade proporcionada pelo serviço do metrô carioca em nos guiar até o vagão e nos apanhar na saída da estação que avisamos que vamos desembarcar, o constrangimento que muitas vezes passamos nas ruas de sentirem pena de nós, como se ser cego fosse um sofrimento, o sempre coitados que não somos, o alívio de chegarmos em casa alguns dias em que nosso cotidiano cansa demais… Mais uma vez eu só posso te dar os parabéns e… esperar por mais uma crônica a nos revelar você e nós mesmos em nosso cotidiano urbano, mesmo que os dias nem sempre sejam iguais!

    Abraços amigos do MAQ.

  2. Comment by Eliana de Deus Gamarra — 31 de março de 2011 às 10:01

    AMEI este blog. Por causa de um aluno novo, pequenininho, cego que recebi na creche estou começando a me informar sobre a área. O Bengala Legal está me ajudando muito! Valeu pessoal!
    Eliana Gamarra – Nazaré Paulista
    31/03/2011

  3. Comment by Ovos de Páscoa — 2 de março de 2012 às 12:42

    O site Bengala Legal está de parabéns pelo ótimo conteúdo que tem disponibilizado a comunidade. Muito bom, continuem assim!

Feed RSS dos comentários deste post | TrackBack URL

Por favor, preencha todos os campos.


Últimos 20 posts publicados.

Saltar resumo e ir para "ESCOLHA POR ASSUNTO".

A Fundação Dorina Nowill para Cegos tem uma nova versão para o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa em formato digital acessível Daisy – Digital Accessible Information System. O Instituto Helena Florisbal foi o parceiro para a viabilização deste projeto, que conta com a produção e disponibilização de cinco mil dicionários em português com as novas […]

 

Dança no MIS e Unlimited apresentam: MARC BREW, bailarino e coreógrafo da Escócia, na performance REMEMBER WHEN e uma residência (processo criativo aberto ao público) junto à bailarina brasileira Gisele Calazans. As atividades fazem parte do programa mensal: Dança no MIS, com curadoria de Natalia Mallo, que convida coreógrafos a escolher uma área do Museu […]

 

A ANCINE colocou em Consulta Pública, até o dia 08 de julho, Notícia Regulatória e Relatório de Análise de Impacto – AIR que discutem a implementação de ações para regulamentar a promoção da acessibilidade em salas de cinema, com disponibilização de recursos de legendagem descritiva, LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais e audiodescrição que possibilitem […]

 

Está chegando ao fim o curso de Especialização em Audiodescrição promovido pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) em parceria com a Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SNPD). Em iniciativa inédita, foi possível viabilizar o primeiro curso sobre esta temática a nível de especialização no Brasil, com o principal […]

 

MARIA LUÍSA BARSANELLI. De SÃO PAULO. Em um cantinho ao lado do palco, Rafaella Sessenta, 32, alonga braços e pernas. Posiciona-se frente a uma câmera e aguarda a largada: o início de um show em tributo a Michael Jackson, realizado no domingo (31/5) em São Paulo. Rafaella é tradutora de libras (Língua Brasileira de Sinais) […]

 

O curso de Especialização em Audiodescrição promovido pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), abrirá uma segunda turma ainda este ano. Estão previstas 100 vagas a partir do segundo semestre. O curso tem o objetivo de capacitar profissionais para promover a […]

 

A AFB (American Foundation for the Blind, ou Fundação Americana para Cegos) anunciou nesta semana os nomes dos quatro homenageados que receberão o prestigioso prêmio Helen Keller na noite do dia 18 de junho, em Nova York (Estados Unidos). Estamos homenageando as realizações de indivíduos e empresas pelo sucesso na melhoria da qualidade de vida […]

 

Estão abertas as inscrições para o 7º Assim Vivemos – Festival Internacional de Filmes Sobre Deficiência. Ficha de inscrição e regulamento, acesse: www.assimvivemos.com.br Em 2015, o Festival Assim Vivemos chega à sua 7ª edição. É com enorme alegria que iniciamos mais uma busca pelos melhores filmes produzidos no mundo sobre o tema da pessoa com […]

 

A diretora da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicações do TRT5 (Setic), Cláudia Jorge, participou da primeira reunião da Comissão Permanente de Acessibilidade do sistema Processo Judicial Eletrônico da Justiça do Trabalho (PJe-JT) em 2015, na última terça-feira (14/4). A comissão tem como objetivo principal propor medidas para facilitar o acesso de pessoas com […]

 

É hora de deixar de observar apenas a obrigação legal da contratação de pessoas com deficiência física e analisar os ganhos econômicos e sociais da inclusão Silvia Torikachvili. Observando os exemplos mencionados ao longo da reportagem, percebe-se que, quando as empresas decidirem contratar talentos em lugar de deficiências, elas entrarão para o melhor dos mundos. […]

 

Durante a exposição, cada foto será acompanhada de um fone de ouvido com a audiodescrição da imagem para pessoas com deficiência visual. Assistir a uma peça de teatro, ir ao cinema ou a uma exposição cultural são programas simples, mas que não podem ser experimentados em sua totalidade por todos. Isso porque para uma pessoa […]

 

Prefeitura de Belo Horizonte pode questionar na Justiça a legislação, promulgada pela Câmara. por LUCIENE CÂMARA. Ser rejeitada como aluna em uma escola de pilates por ter epilepsia é somente um exemplo do preconceito sofrido em 2014 pela aposentada Márcia Martins Ferreira, 56. Ela e outros pacientes com a doença também já se depararam com […]

 

Jornalista é fundadora da ONG Escola de Gente, que promove ações em diferentes áreas pelo fim da exclusão. Nome: Claudia Werneck. Profissão: jornalista. Atitude transformadora: atua na inclusão de pessoas com deficiência. Crédito: Felipe Fittipaldi. Com catorze livros lançados sobre o tema e 28 comendas nacionais e internacionais — entre elas uma condecoração da Organização […]

 

Prezados(as), Segue abaixo informações sobre Pós Interdisciplinar em Tecnologia Assistiva em BH sob a coordenação de Maria de Mello. Todas as informações estão disponíveis em: http://technocare.net.br/pos-graduacao-em-tecnologia-assistiva-turma-em-bh. As inscrições podem ser feitas pelo site também. Feliz Natal e um 2015 de sucesso! Dra. Maria Aparecida Ferreira de Mello. 31 9428 9100; 31 3443 2200. Pós Doutora […]

 

Por Lydia Denworth. Quando descobri que meu filho não podia ouvir, percebi que na verdade era eu que não estava, de fato, escutando. Antes que meu filho mais novo, Alex, fizesse dois anos, nós descobrimos que ele tinha uma perda auditiva significativa que tendia a piorar. Algumas semanas mais tarde, me vi no ginásio da […]

 

Encontro de Audiodescrição aborda circulação da pessoa com deficiência visual em museus, parques e eventos Evento, promovido pelo Núcleo de Pesquisa em Inclusão, Movimento e Ensino a Distância, acontece na Faculdade de Engenharia, de 27 a 29 de novembro. A circulação da pessoa com deficiência visual em diversos tipos de ambientes é o tema do […]

 

Neste caso percebe-se que as empresas, por preconceito estão perdendo pessoas qualificadas, inteligentes, que poderiam contribuir muito para o sucesso da empresa. É cada vez maior o número de pessoas com deficiência ingressando no serviço público. Este aumento tem uma razão plausível, que é a exclusão realizada pelas empresas às pessoas com deficiência, muitas vezes […]

 

As respostas gentis do sistema operacional inteligente conquistaram o garoto Gus, de 13 anos. por Judith Newman | The New Yok Times. Será que sou uma péssima mãe? Fiquei pensando sobre isso ao observar meu filho de 13 anos conversando com Siri. Gus é autista e Siri, a “assistente pessoal inteligente” da Apple no iPhone, […]

 

Brasil, 23 de setembro de 2014. A Campanha Nacional pelo Direito à Educação e as entidades que compõem o Comitê Técnico da Semana de Ação Mundial 2014: Direito à Educação Inclusiva – por uma escola e um mundo para todos defendem que para construir um sistema de educação inclusivo, o Estado Brasileiro deve: Garantir o […]

 

OBJETIVO GERAL – Realizar o Evento I ENADES – Encontro Nacional de Audiodescrição em Estudo: Uma Programação Cultural-Científica para suas Férias. OBJETIVOS ESPECÍFICOS – Dar a conhecer o que é Audiodescrição, divulgar sua aplicabilidade e sua potencialidade na educação, no trabalho e no lazer, como recurso de acessibilidade comunicacional para as pessoas com deficiência, principalmente […]

 

 

 

Os posts mais visitados hoje.

  1. Consulta pública sobre Notícia Regulatória e Relatório de Análise de Impacto sobre acessibilidade visual e auditiva em salas de cinema (158 visitas)
  2. REMEMBER WHEN: PERFORMANCE DO BAILARINO E COREÓGRAFO MARC BREW COM AUDIODESCRIÇÃO NO MIS (157 visitas)
  3. Dicionário acessível para pessoas com deficiência visual (155 visitas)
  4. O que é Inclusão Escolar? (66 visitas)
  5. Dúvidas sobre a aposentadoria especial para pessoa com deficiência (22 visitas)
  6. Ampliada a isenção do ICMS para pessoas com deficiência (18 visitas)
  7. Deficiente visual tem isenção de ICMS na aquisição de veículo zero quilômetro. (17 visitas)
  8. Casal cria ONG que incentiva adotar crianças com deficiência (16 visitas)
  9. Marta Gil (14 visitas)
  10. Hotel investe para atender pessoas com deficiência (11 visitas)
Bengala Legal.

eXTReMe Tracker