Conteúdo principal | Últimos 20 posts | Posts por assunto | Bengala Legal

Blog do Bengala Legal.

Rio de Janeiro, sábado, 20 de setembro de 2014 - 11:57.

 

Conteúdo principal.

quinta-feira, 6 de maio de 2010.

Censo IBGE 2010 x Pessoas com Deficiência.

O IBGE no próximo Censo 2010, se propõe a coletar dados referente as pessoas com deficiência em forma de amostragem. O Censo passará em todas as residências do Brasil. Sendo que amostragem é uma forma econômica (poupando tempo e dinheiro), onde os dados de pessoas com deficiência serão coletados de 10 em 10 casas. Muitas pessoas com deficiência continuarão sem existir, caso o Censo pesquisar em forma de amostra!

O IBGE nos respondeu que os questionários já estão prontos e o censo iniciará em 01 de agosto e não tem mais tempo de melhorar o questionário.

Para que as pessoas com deficiência passe a existir, em dados precisos do IBGE no Censo 2010, é hora de UNIÃO!!

Precisamos saber não só quantos somos e onde estamos, mas também que escolaridade temos, quantos trabalhamos, nossa faixa salarial, todos os dados que perguntam a todos, sem excessão. Se a amostragem fosse boa, porque não fariam para todos?

Vamos aguardar mais 10 anos para podermos existir precisamente?

Objetivos do Ato Público.

  • Para que as pessoas com deficiência tenham políticas públicas realizadas de forma correta, concreta e séria;
  • Para que o IBGE realize o censo 2010 não sob forma de amostragem, na coleta de dados de pessoas com deficiência;
  • para que o Ministério Público Federal do Estado de São Paulo, nos informe uma posição da denúncia encaminhada e protocolada sob número 1.34.001.001709/2010-69.

Venha Participar do Ato Público.

21/05/2010 – Dia da Língua Nacional (dia de não ficar calado!!)
MASP – Av. Paulista (2 quadras do Ministério Público Federal de SP)
Horário: 13.00h.

Facebook.Compartilhar no Facebook.

Twitter.Publicar no Twitter.

Arquivado em: Eventos.
Assuntos:  , , , , , , .
MAQ às 23:21.
Post visitado 22454 vezes, 2 foram hoje.

6 Comentários | Deixe seu comentário.

  1. Comment de: Gilberto — 7 de maio de 2010 às 16:24

    Realmente o CENSO de 2000 foi um fiasco.

    Quando nos visitaram em 2010 não nos perguntaram nada a respeito de pessoas com deficiência morando naquela residência (detalhe: somos dois!). Segundo o funcionário, somente em residências “sorteadas” seriam feitas as perguntas. Reclamei e, alguns dias depois o funcionário voltou e fez as perguntas para incluir-nos no Censo.

  2. Comment de: Claudia Buzian — 12 de maio de 2010 às 15:02

    É deprimente como a sociedade/governo se nega aceitar o que acontece fora do que se é considerado normal!Esse preconceito enraizado precisará da união de todos, para chegar ao fim.
    Fiquei impressionada com a informação e vou levá-la à coordenação do Senai onde estudo,para que seja exposta no mural da escola, essa informação precisa ser do conhecimento geral.
    Estarei lá!Um dia depois do meu aniversário..não me daria presente melhor que esse!

    Obrigada por tudo que aprendo lendo aqui!

  3. Comment de: Angela — 16 de agosto de 2010 às 20:23

    Na semana passada precisamente dia 13/08/10, recebi o recenceador do IBGE. Como sou a dona da casa, qdo meu marido não se encontra fui a pessoa que respondeu o questionario. Sou deficiente(paraplégica) e fiz a obrservação à responsavel, a mesma rspondeu-me que naquele momento saiu automaticamente o questionario qeue ela chamou-o de:BÁSICO, e foi nesse que fui entrevista, e para minha surpresa ela nada perguntou-me sobre a minha condição de pessoa com deficiencia. Prontamente eu a inquerí o porque? nada quiz saber e não registrou a deficiencia. Foi-me respondido que o Ipod ou Palm(????) é quem seleciona o questionario a ser respondido, e o reegistro de alguma defciencia é o questionario de AMOSTRAGEM.
    Lamentavelmente eu não estarei nas estatisticas de pessoas com deficiencia aqui na minha cidade enfim nos dados brasileiros tambem.
    Quando achamos que evoluimos de algum modo, aí vem uma ducha gelada nos conscientizando que permanece o mesmo “status quo” de 10 anos atraz, é terrivel ainda permanecer esta metalidade dos nosssos gestores, pleno SECULO XXI continuamos sofrendo DISCRIMINAÇÃO da MAIS ALTA CORTE GOVERNAMENTAL DO BRASIL… instalada em Brasília é revoltante tal situação…. estou com um pouco mais de 50 anos de idade…. confesso cheguei à fase de não mais acreditar que é possivel mudar a mentalidade das pessoas (morro e não verei) quando se instalam para governar nações … não adianta …. são pessoas que estavam cá embaixo buscando ocupar os espaços de lá de cima é simplesmente isto… compromentimento com as minorias é muito pouco…. já desistir de esperar.
    Fico com Gramsci que tinha como proposta a constituição de um novo bloco histórico. Buscava soldar organicamente os intelectuais e a classe subalterna. A base desta idéia é a filosofia marxista, filosofia da práxis. Uma ação com intencionalidade definida com qualidade de intenção e objetivo claro e determinada.
    Para este autor a classe que deveria fazer a mudança era a subalterna, a proletária, porém em seu julgamento a classe não tinha condições de fazê-la.
    Percebe-se claramente que o autor não reconhecia a dinâmica interna dessa expressão cultural (senso comum). Na verdade ele não percebia a natureza própria desta cultura, uma certa autonomia na dinâmica.

  4. Comment de: Vera Gusmão — 1 de dezembro de 2010 às 13:54

    Estou estudando mestrado e desenvolvo uma pesquisa sobre a Inserção do jovem com deficiência no ensino superior. Mas um dos problemas encontrados se refere a escassez de dados. Agora preciso atuaalizar os dados do IBGE sobre a população de brasileiros com alguma deficiência sensorial, intelectual, física e não estoou tendo acesso.
    Estou necessitando de desenvolver um estudo sobre o perfil dos jovens nessa condição, pois o processo de inclusão e a maior conscientização das familias e de todo segmento vem ampliando as oportuidades de inserção no ensino superior e precisam que sejam pensadas políticas para uma escolaridade nesse nível de ensino com qualidade.

  5. Comment de: João José Caetano — 14 de janeiro de 2011 às 11:11

    Olá companheiros de luta!
    Infelismente as pessoas com deficiência ainda são vistas como extra-terrestres, pois desde 2000 que venho contestando o forma do IBGE mensurar essa parcela da sociedade brasileira (pessoas com deficiência). E está repetindo ineficientemente em 2010 a forma por “AMOSTRAGEM”. Presisamos dar um grande grito de despertamento para a sociedade entender que deve debater, idealizar, elaborar, planejar e executar as políticas para as pessoas com deficiência, somos nós mesmo ou pessoas que tenham experiencia comprovada e principalmente compromisso com o segmento de pessoas com deficiência.(veja:www.sentidos.com.br-pagina cidadania).O projeto censo inclusao já é lei em diversos municipios da minha cidade Paulista-PE e outros estados como, São Paulo-SP.Contato:Caetano (81)88677115.

  6. Comment de: Moacir Sene — 6 de abril de 2011 às 9:00

    Olá à todos!
    entrei neste site porque estava me perguntando, quantos deficientes exatamente existem no brasil? E qual sua distribuição?

    Vejo que esta pergunta, por enquanto, esta dificil de se responder.

    Gostaria de salientar que meu pai, pela idade, tem restrição de movimento.
    Acho necessário que o IBGE contabilize a população corretamente, mas por outro lado acredito que seja necessário TAMBEM que a população se pronuncie!!!

    Não podemos nos queixar do governo, elejemos o Tiririca……….

Feed RSS para comentários sobre este post. | TrackBack URL

Por favor, preencha todos os campos.


Últimos 20 posts publicados.

Saltar resumo e ir para "ESCOLHA POR ASSUNTO".

Rayder Bragon. Do UOL, em Belo Horizonte. O médico e professor Vanderlei Corradini Lima, 53 anos, é portador da esclerose lateral amiotrófica (ELA), com sintomas diagnosticados em 2010. Mesmo tendo que conviver com as extremas limitações físicas impostas pela enfermidade, ele reencontrou a felicidade de continuar na profissão ao ser convidado para ministrar aulas na […]

 

“Acessibilidade não é privilégio, é direito”, diz jornalista sobre audiodescrição na TV Folha. Desde março, a jornalista Melina Cardoso se prepara para colocar em prática o aprendizado sobre acessibilidade em peças audiovisuais. Na última terça-feira (9/9), a TV Folha exibiu a primeira reportagem dela com audiodescrição e legendas, tendo como personagem o radialista Alberto Pereira, […]

 

GISELLE FERREIRA. Num quarto vazio e repleto de angústia, um homem recebe um livro. Já há algumas gerações em sua família é sabido que o livro provoca cegueira em seu leitor à medida que este avança as páginas. Sozinho e entregue, Eduardo Moscovis, 46, é o homem sem nome e sem história que compartilha, em […]

 

O W3C Brasil e o Comitê Gestor da Internet no Brasil lançam a terceira edição do Prêmio Nacional de Acessibilidade na Web – todos@web. O sucesso das edições anteriores foi a força impulsionadora para dar continuidade nessa ação de promover e premiar ações em favor da acessibilidade na web. A participação é muito mais do […]

 

Data: 15 e 17 de setembro de 2014. Local: Av. Marquês de São Vicente, 235, auditório do 1º. Subsolo. Barra Funda – São Paulo/SP. O evento é gratuito e aberto ao público. É possível fazer inscrição para o dia 15 ou 17 de setembro e, também, para ambos os dias. Inscrições no link: ejud2.trtsp.jus.br. Recursos de […]

 

A Anatel colocou à disposição da sociedade, para recebimento de comentários e sugestões, texto para discussão prévia sobre temas relevantes com vistas à construção do “Regulamento Geral de Acessibilidade”, por meio da Consulta Pública nº 31, de 21 de agosto de 2014. O texto completo e o resumido (com versão em libras e em áudio) do documento estão disponíveis na página […]

 

TVs por assinatura aumentam o número de programas com audiodescrição para se adequar à legislação. Uma demanda do segmento dos cegos e das pessoas com deficiência visual consumidoras de TV por assinatura começa a ser atendida pelas empresas operadoras do setor. Vários programas de TV que já eram transmitidos com audiodescrição (AD) pelo sinal aberto, […]

 

A Educação Inclusiva avança no Brasil: Cursos, livros e palestras oferecem apoios na formação de professores. Otimista com o processo da Educação Inclusiva, o especialista na área e educador Emílio Figueira fala sobre o desenvolvimento e formação de professores na contribuição de uma educação para todos. Dados recentes da União Nacional dos Dirigentes Municipais de […]

 

Identificar letras e formar palavras e frases está se tornando realidade para 18 frequentadores da Associação dos Deficientes Visuais de Uberlândia (Adeviudi). A oportunidade surgiu neste ano, durante o mês de maio, quando a Secretaria Municipal de Educação (SME) implantou o projeto “Construindo cidadania, resgatando possibilidades” e disponibilizou materiais pedagógicos e profissionais para as aulas […]

 

Terceira edição do prêmio Todos@Web reconhece iniciativas que favorecem a quebra de barreiras de acesso à web por pessoas com deficiência. Se você promove um trabalho de fomento e incentivo à acessibilidade na web no Brasil, ou fez um website que não cria barreiras de acesso para pessoas com deficiência, ou desenvolveu uma aplicação que […]

 

A reflexão abaixo é uma resposta do MAQ para o Ernesto Luiz Muniz Moreira, que na época (2012) era Presidente do CVI Floripa, dia 23 de junho de 2012. Essa resposta foi enviada para diversas listas de discussão, das quais MAQ era um participante ativo e muitas vezes polêmico. MAQ tinha recebido o Prêmio Web […]

 

Lançado em 2011 como forma de facilitar e agilizar o acesso à Justiça, o Processo Judicial Eletrônico (PJe) tem se mostrado um problema para as pessoas com deficiência, em especial os deficientes visuais. Ao invés de auxiliá-los a acessar a Justiça, usuários informam que a mudança trouxe novas dificuldades. O tema foi tratado em audiência […]

 

Sérgio é expert em tecnologia em uma multinacional. É casado, pai e cego. Já aconteceu de contar a algumas pessoas que tem uma filha e ouvir coisas do tipo: “Mas, como assim, tem uma filha? Como é que você fez?” Gilson, baixa visão, mora próximo a uma entidade assistencialista para cegos que nunca frequentou, passa […]

 

O site: “Perfil Social das Pessoas com deficiência no Brasil” foi desenvolvido com o objetivo de facilitar o acesso aos dados do último Censo Demográfico que se referem às pessoas com deficiência e/ou limitação funcional. Particularmente, destacam-se as informações de caráter regional, no agregado dos Estados e em cada um dos municípios, uma vez que […]

 

Marta Gil (*) Leitura é magia: num instante, sinais se transformam em letras, que formam palavras, que formam frases, que se tornam portais para terras exóticas, para o passado, o futuro ou mesmo o presente. Ela nos transporta ao tempo em que os bichos falavam, desvenda segredos da Natureza e abre as portas da Ciência, […]

 

Livros infantis do projeto Baú das Artes recebem recurso acessível de audiodescrição. A Editora Evoluir lançou recentemente o projeto, que distribui materiais paradidáticos para escolas municipais de Ensino Fundamental (EMEF). Entre eles, estão 20 livros que foram adaptados com o recurso acessível de audiodescrição. Diferencial que beneficia, especialmente, crianças com deficiência visual, baixa visão e […]

 

DIA 17 DE JULHO ÀS 19h – LANÇAMENTO DO LIVRO: Metodologia para Diagnóstico de Acessibilidade em Centros Urbanos: Análise da área Central da Cidade do Rio de Janeiro. Autores: Cristiane Rose de S. Duarte, Regina Cohen, Alice de Barros H. Brasileiro e Osvaldo Luiz de Souza Silva O livro será lançado também em versão falada […]

 

Feito com um iPhone 4S, o ‘gadget’ confere níveis de insulina a cada cinco minutos. O sistema consiste em um smartphone ligado a um monitor de glucose e bombas que fornecem insulina e glucagon. BOSTON, EUA. Um pâncreas artificial portátil, construído a partir de um iPhone modificado, regulou com sucesso os níveis de açúcar no […]

 

Pessoas com deficiência visual presentes na partida entre Suíça e Equador viveram momentos inesquecíveis, na inauguração do sistema de audiodescrição no estádio. A audiodescrição pode ser acessada por meio de frequências de rádio. Quem quiser ouvir, deve levar um aparelho portátil de rádio ou telefone celular com receptor FM, além de fones de ouvido. O […]

 

Chamada Pública vai financiar implementação de tecnologias de audiodescrição e legenda oculta. A RioFilme lançou nesta quarta-feira, dia 4 de junho, o programa Cinema Acessível RioFilme, voltado aos exibidores cinematográficos. O edital disponibiliza 200 mil reais para investimento em dez complexos de exibição para a instalação de ferramentas de audiodescrição e legendas ocultas que promovam […]

 

 

 

Os posts mais visitados hoje.

  1. Deficiente visual tem isenção de ICMS na aquisição de veículo zero quilômetro. (82 visitas)
  2. O que é Inclusão Escolar? (54 visitas)
  3. Ele só pode piscar os olhos e, ainda assim, dá aulas na UFJF (36 visitas)
  4. Acessibilidade não é privilégio, é direito (35 visitas)
  5. Sobre a cegueira (34 visitas)
  6. Marta Gil (32 visitas)
  7. Semana de Ação Mundial 2014. (30 visitas)
  8. Audiodescrição e a eterna discussão com a ABERT. (13 visitas)
  9. Dúvidas sobre a aposentadoria especial para pessoa com deficiência (11 visitas)
  10. Cego quer fazer Pornô. (10 visitas)
Bengala Legal.

eXTReMe Tracker